Brasnatus Produtos Naturais - Direto do Extrator ao Consumidor


<<< BRASNATUS@BRASNATUS.COM.BR  >>>

<<< Brasnatus Naturais - Página Inicial >>>

<<< Loja Virtual - Copaiba - Andiroba - Sangue de Dragão >>>

<<<  Óleo de Copaiba  >>>

<<< Óleo de Andiroba >>>

<<< Sangue de Dragão >>>


Sangue de Dragão

Croton lechleri, produz uma seiva vermelha  que é usada principalmente sobre feridas para estancar sangramentos, acelerar a cura e proteger de infecções.  A seiva seca rapidamente e forma  uma barreira como uma segunda pele.   Outros usos indígenas incluem o tratamento de  febres, infecções intestinais, sangramentos pós-parto e problemas da pele.

NOME POPULAR: Sangue de Drago

NOME CIENTÍFICO: Croton lechleri

ORIGEM: Encontradas no Peru, Equador, Colômbia e Brasil.

DESCRIÇÃO DA PLANTA: “Sangue de Drago” (Croton lechleri) é uma árvore de porte médio a grande e pode alcançar até 20 metros de altura.

USO TRADICIONAL: O "sangue de drago" é usado por indígenas das florestas tropicais da América do Sul. A seiva vermelha é usada principalmente sobre .... para estancar sangramentos, acelerar a cura e proteger de ......

A seiva seca rapidamente e forma uma barreira como uma segunda pele. Outros usos indígenas incluem o tratamento de: ........

REGISTROS DE PATENTES: A Medicina no Brasil recomenda “Sangue de Drago” como um agente ..... Sangue de Drago vem sendo utilizado ou testado também nos tratamentos das ...... e da .....,   ......, .......,  ......., para o tratamento de ....., contra o vírus causador do ....., e da ....... associada ao vírus da ..... 

 

Muitas substâncias com potencial curativo são encontradas no “sangue de drago” entre elas a Proantocianadina (antioxidante); phenolas; diterpenas; um alcalóide chamado Taspine; e taninas (dimetilcedrusina).

 

Walter Lewis em 1992 solicitou patente sobre o processo de isolamento da taspine, para cura de ..... Outra patente depositada por Walter Lewis e Wound Fast Pharmaceuticals, Inc., em 1995, é a da preparação da taspine e sua ação ..... mais rápida.

 

A Shaman Pharmaceuticals depositou sua primeira patente em 1993, descrevendo os métodos para extração de um polímero chamado proanthocyanidina. Isolado a partir da resina e da casca da árvore é utilizado para tratamento de animais e humanos com ......,  ......., e o vírus ........ O documento cita numerosos experimentos clínicos.

 

Posteriormente, a Shaman Pharmaceuticals, Inc. desenvolveu duas drogas que contém elementos ..... isolados e extraídos da casca e resina do Sangue de drago. Suas drogas incluem o ....., um produto oral para tratamento de ....... e o ......,para o tratamento da ........

 

A estimativa de Shaman é de um mercado potencial de 26 milhões de pessoas, apenas no continente americano. A Shaman projetou uma vasta plantação do Sangue de Drago no Mato Grosso, para abastecer seu laboratório californiano. Chegou a treinar índios da região nos métodos de extração do látex, aperfeiçoados a partir da técnica tribal. Shaman mantém uma fundação para distribuir às tribos envolvidas os benefícios econômicos resultantes de suas pesquisas. Mas a compensação neste caso consistiu só em aumento no campo aéreo local, comprando uma vaca para comer na aldeia, e pagando alguns salários pela colheita do Sangue de Drago. A Empresa retém a propriedade intelectual integral sobre os medicamentos que produz, e não vincula as atividades da sua fundação com as das quais extrai os conhecimentos que lhe permitem chegar a novas drogas.

 

Atenção: Algumas citações do texto original foram excluidas ( .....), não pretendemos prescrever utilizações, o uso de produtos naturais provêm da tradição popular, consulte sempre um terapeuta especialista em produtos naturais

A Seiva do Croton da Amazônia é extraida da árvore da floresta Amazônica Peruana conhecida como CROTON LECHLERI MUELL,  as pesquisas  comprovam seu poder: antioxidante, adstringente e rejuvenecedor, ativando o SISTEMA  IMUNOLÓGICO. É também um tonificante, cicatrizante, antiinflamatório, antitumores, germicida, bactericida, anti-fungos, anti-viral, etc.

Croton Lechleri - Sangre de grado - Dragoeiro é uma árvorre de tamanho médio a grande que cresce de 10-20 m. na região norte do Amazonas e na Amazônia Peruana, no Equador, e na Colômbia. Embora alta, o tronco é geralmente fino tem menos de 30 cm. de diâmetro e é coberto por casca lisa. Tem as folhas grandes e flores. Seu nome popular é sangre de grado, significa o "sangue do dragão", no Equador, chama-se Sangre de Drago.

 

A Seiva do Croton da Amazônia é extraida da árvore da floresta Amazônica Peruana conhecida como CROTON LECHLERI MUELL , as pesquisas (vide abaixo) comprovam seu poder: ...., ......., ......, ativando o ...... . É também um ......, ......, ...., etc.

 

A Seiva do Croton da Amazônia é um liquido da cor vermelha, é  também conhecida como: Sangue de Drago, Sangue de Grado, Dragons Blood, Sangue de Draco, Sangue Dragon, Sangue de Dragão ou Sangue de Dragoeiro.

 

 

Atenção: Algumas citações do texto original foram excluidas ( .....), não pretendemos prescrever utilizações, o uso de produtos naturais provêm da tradição popular, consulte sempre um terapeuta especialista em produtos naturai

 

Pesquisas publicadas

Anticancerous & ações Cytotoxic:
Rossi, D., e outros. “Avaliação do potencial mutagenic, antimutagenic e antiproliferativo do lechleri de Croton (Muell. Latex de Arg.).” Phytomedicine. 2003 março; 10 (2-3): 139-44.
Sandoval, M., e outros. “Sangre de grado (o palanostigma de Croton) induz o apoptosis em pilhas de cancer gastrointestinal humanas.” J. Ethnopharmacol. 2002; 80 (2-3): 121-9.
Chen, Z.P., e outros. “Estuda nas propriedades anti-tumour, anti-bacterial, e ferida-healing do sangue de dragon.” Planta Med. 1994; 60 (6): 541-45.
Pieters, L., e outros. “Isolação de um dihydrobenzofuran lignan do sangue de dragon do americano sul (sp de Croton.) como um inibidor do proliferation da pilha.” J. Nat. Prod. 1993; 56 (6): 899-906.
Itokawa, H., e outros. “Uma substância cytotoxic de sangre de grado.” Chem. Pharm. Bull. 1991; 39 (4): 1041-42.

Ações Healing & Antioxidant da ferida:
Dong, Y., e outros. “Realce da ferida que healing pelo taspine e pelo seu efeito no fibroblast.” Zhong. Yao. Cai. 2005; 28 (7): 579-82.
Dong, Y.L., e outros. O “efeito do hydrochloride do taspine na pele fere healing nos ratos e no seu mecanismo.” Zhong. Xi. Yi. Jie. Ele. Xue. Bao. 2005 setembro; 3 (5): 386-90.
Galopa, M.I., e outros. “Atividades Mutagenic e antioxidant do sap do lechleri de Croton em sistemas biológicos.” J. Ethnopharmacol. Dec 2004; 95 (2-3): 437-45.
Jones, revisão do K. “de sangre de drago (lechleri de Croton)--um sap da árvore do americano sul no tratamento do diarrhea, do inflammation, das mordidas do inseto, de infecções viral, e de feridas: usos tradicionais à pesquisa clínica.” J. Altern. Complemento. Med. Dec 2003; 9 (6): 877-96.
Desmarchelier, C., e outros. “Efeitos de sangre de drago do lechleri Muell de Croton. - Arg. na produção de radicais ativos do oxigênio.” J. Ethnopharmacol. 1997; 58:103 - 8.
Phillipson, J.D. “uma matéria de alguma sensibilidade.” Phytochemistry. 1995 abril; 38 (6): 1319-43.
Chen, Z.P., e outros. “Estuda nas propriedades anti-tumour, anti-bacterial, e ferida-healing do sangue de dragon.” Planta Med. 1994; 60 (6): 541-45.
Porras-Reyes, B.H., e outros. “Realce da ferida que healing pelo taspine do alcalóide que define o mecanismo da ação.” Proc. Soc. Exp. Biol. Med. 1993; 203 (1): 18-25.
Vaisberg, A.J., e outros. “Taspine é o princípio cicatrizant em sangre de grado extraído do lechleri de Croton.” Planta Med. 1989; 55 (2): 140-43.
Macrae, W.D., e outros. “Estuda na atividade pharmacological de Euphorbiaceae Amazonian.” J. Ethnopharmacol. 1988; 22 (2): 143-72.

Dor-aliviar & ações Anti-inflammatory:
Xiangming, L., e outros. “Efeitos da resina do sangue de dragon e de seu loureirin componente B em correntes tensão-bloqueadas tetrodotoxin-sensíveis do sodium nos neurônios dorsais do ganglion da raiz do rato.” Sci. Vida Sci de China C. 2004 agosto; 47 (4): 340-8.
Tsacheva, I., e outros. Do “propriedades inibindo complemento do sangue de dragon do draco de Croton. ” Z. Naturforsch. 2004; 59 (7-8): 528-32.
Jones, revisão do K. “de sangre de drago (lechleri de Croton)--um sap da árvore do americano sul no tratamento do diarrhea, do inflammation, das mordidas do inseto, de infecções viral, e de feridas: usos tradicionais à pesquisa clínica.” J. Altern. Complemento. Med. Dec 2003; 9 (6): 877-96.
Risco, E., e outros. “Atividade e caracterização Immunomodulatory do produto químico de sangre de drago (sangue de dragon) do lechleri de Croton.” Planta Med. 2003; 69 (9): 785-94.
Moleiro, M.J., e outros. “Inibição do inflammation neurogenic pela medicina herbal Amazonian sangre de grado.” J. Invest. Dermatol. 2001; 117 (3): 725-30.
Perdue, G.P., e outros. “O americano sul planta II: Isolação de Taspine e atividade anti-inflammatory.” J. Pharm. Sci. 1979; 68 (1): 124-26.

Ações Antimicrobial:
Gurgel, L.A., e outros. “Atividade antifungal In vitro do sangue de dragon do urucurana de Croton de encontro aos dermatophytes.” J. Ethnopharmacol. 2005; 97 (2): 409-12.
Williams, J.E. “revisão de propriedades antiviral e immunomodulating das plantas do Peruvian o mais rainforest com uma ênfase particular em Una de Gato e em Sangre de Grado.” Altern. Med. Rev. 2001; 6 (6): 567-79.
Sidwell R., e outros. Do “efeitos vírus-inhibitory Influenza de intraperitoneally e SP-303 aerossol-administrado, um flavonoid da planta.” Chemotherapy. 1994; 40 (1): 42-50.
Chen, Z.P., e outros. “Estudos nas propriedades anti-tumour, anti-bacterial, e ferida-healing do sangue de dragon.” Planta Med. 1994; 60 (6): 541-45.
Rao, G.S., e outros. “Agentes Antimicrobial das plantas mais elevadas. Resina do sangue de Dragon. ” J. Nat. Prod. 1982 Setembro-Outubro; 45 (5): 646-8.

Ações do Anti-ulcer & do Anti-diarrhea:
Fischer, H., e outros. “Um extrato SB-300 da novela do latex do bark da haste do lechleri de Croton inibe o secretion CFTR-mediado do cloreto em pilhas epithelial colonic humanas.” J. Ethnopharmacol. 2004; 93 (2-3): 351-7.
Jones, revisão do K. “de sangre de drago (lechleri de Croton)--um sap da árvore do americano sul no tratamento do diarrhea, do inflammation, das mordidas do inseto, de infecções viral, e de feridas: usos tradicionais à pesquisa clínica.” J. Altern. Complemento. Med. Dec 2003; 9 (6): 877-96.
Moleiro, M.J., e outros. “Tratamento de ulcers gastric e de diarrhea com a medicina herbal Amazonian sangre de grado.” Am. J. Physiol. Gastrointest. Fígado Physiol. 2000; 42: G192-200.
Gabriel, S.E., e outros. “Um inibidor planta-derivado novela do secretion acampamento-mediado do líquido e do cloreto.” Am. J. Physiol. 1999 janeiro; 276 (1 pinta 1): G58-63.

 

2011-01 - Brasnatus Produtos Naturais Brasileiros